Categorias
crônica

Foda-se Pavlov

O alarme nem teve tempo para tocar quando o gato já me acorda. Ele tem seu sistema próprio, bem elaborado durante os anos, extremamente eficaz. Começa com miados ao pé da cama. Sempre suspeitei que tem um hormônio responsável por nos incomodarmos com o choro de uma criança. Quanto menor a criança, maior o desespero […]

Categorias
crônica

Quem pode mais?

Meu gato Ronaldinho grita grita grita, pedindo pra sair da sala. Eu suspiro porque sei que ele vai sair e vai querer voltar dois segundos depois, eu sei que sim. Ele não quer sair de verdade; os dois sabemos que ele tá só querendo demonstrar o poder que tem sobre mim, sua humana leal, a […]