Categorias
crônica

In loco

— Amor, cheguei! — ouço a voz da Larissa vindo de baixo. Não vou responder. Tem lugares onde é melhor a gente ficar só. E é neste lugar que eu me encontro. Não é por nada que em alemão usamos a expressão “lugarzinho silencioso”; porque aqui podemos efetivamente ficar sozinhos e em silencio, sem necessidade […]