Categorias
prosa poética

Você é só mais um

Antes do fim, vou contar o que eu vivi

Um dia são 50 anos e ninguém tem o controle de existir

Nasce e morre, sem saber o que está porvir

O dinheiro que ganhou, as traições que cultivou, nada disso o fará feliz

Muito menos a espiritualidade, a bondade ou a caridade, nenhuma será a força  motriz

A depressão, a  angústia e  a reflexão tirarão o  seu verniz

Em vez do falso sorriso, a tristeza autêntica ao contrário da insidiosa modéstia, a fidedigna aptidão

É libertador rechaçar as mesuras das sórdidas criaturas e repelir o sujeito de caráter em decomposição

Rir de si mesmo, se divertir com que há de mais tolo e não padecer da gratidão e a ingratidão

Se você concordou com o que estava escrito acima, então nada entendeu, a vida não tem prescrição

Cismou que era especial? 

Tutelado por uma “Graça” maior? 

10 respostas em “Você é só mais um”

Muito complexo pra eu entender.
Preciso de mais ilustrações.
Sempre pensei que tudo, até a vida, fosse mais simples, tipo bagulho de sexo, drogas, futebol e rock ‘n roll.

Na verdade vivemos pensando no momento presente, talvez pensamos um pouco no passado, mas não pensamos que futuro verdadeiramente gostaríamos de ter; vivemos por viver imaginando superar uns aos outros, e depois de vivermos todo um tempo pensando assim, descobrimos que sempre pensamos errado e que de nada valeu vivermos como imaginamos viver e assim descobrimos que não queríamos viver da forma que o mundo vive ou seja ficamos pensando que fazer para a vida valer o bastante para termos vívido. Voltamos a filosofar de onde viemos? Quem somos de verdade? Para onde vamos? Quem sou eu? Essa a verdeira pergunta.

Penso que não sabemos o que esta por vir viver um dia de cada vez seria o certo,sorrir e levar a vida sem maiores estresse e o ideal tem palavras que realmente precisaria de um dicionario por perto!rs…bjus filhao

Penso que viver um dia de cada vez vez seria o ideal e sem maiores estresse nao sabemos o que nos espera.tem palavras que realmente precisaria de um dicionário por perto rs.viver e ter a vontade de ser feliz

Tão você que mesmo se não tivesse sua assinatura, eu poderia jurar que era obra sua. Ótimo texto…fruto de tuas indagações existenciais. Onde estiver, Nietzsche sorri.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *