Categorias
crônica

Brasileiríssima confusão

Estávamos na fila de embarque da Rodoviária do Tietê. A mulher da minha frente transbordava perplexidade. — I don’t understand, Robert. Fifteen and fourteen mean the same here in Brazil? Permita-me ativar a tecla SAP. Os meus anos de curso de inglês precisam me servir para algum fim, evidentemente. — Eu não entendo, Robert. Quinze […]

Categorias
crônica

Em busca do velho normal

E lá se foi um ano sem sequer um resfriado vir nos visitar. Nada mesmo foi convidado para entrar em nossa casa durante 2020. E, até onde chegamos, também em 2021. Não é comum para crianças de seis anos passarem um ano inteiro sem ver atchim e espirro – que no meu tempo eram palhaços […]

Categorias
crônica

Crônica de um amante do jornalismo

Antes de tudo, quero deixar bem claro que não sou formado em Jornalismo e não exerço a profissão, apenas sou um jovem de 17 anos que descobriu a paixão de sua vida: O jornalismo. Ele chegou na minha vida como um trem desgovernado. Depois de um tempo querendo ser advogado (todos cometem erros), o jornalismo […]

Categorias
crônica

Meu caminho tortuoso

Em 1987, eu tinha dez anos e uma das atividades principais da casa, como na maioria das famílias brasileiras, era se sentar em frente à televisão para assistir à então chamada “novela das oito”. Naquela época, estava no ar na Rede Globo (que então era o único canal que passava novelas), a telenovela “Mandala”. Eu […]

Categorias
crônica

— Foi a minha terapeuta que mandou!

Foi o que eu disse aos meus pais. E foi mesmo a minha terapeuta quem havia mandado. Estava eu dois dias antes na poltrona — podia ter escolhido o divã do consultório, mas achei clichê demais para mim — quando a minha terapeuta disparou: — Você tem que se afastar dos seus pais, Guilherme. Ignorá-los […]

Categorias
crônica

Eu pensei que livros fossem vacina

Hoje eu soube que você morreu. Eram 9 horas quando o primeiro amigo em comum me procurou perguntando:  Você ainda fala com o ele?  Não.  Nossa convivência se encerrou há 20 anos. Um relacionamento amoroso, raivoso, intenso, jovem, vivo. Brutal e honesto. Há dez anos, mais? ou menos?, trocamos nossas últimas palavras. Amenas e amigáveis.  Vejo como […]

Categorias
crônica narrativa

SILÊNCIO

A rua era um vazio assombroso e o vento breve de outono soprava levantando a poeira que se acumulava nas sarjetas. Maritacas gritavam sobre sua cabeça e os cães estavam em silêncio nos quintais. O sol brilhava forte já pela metade da manhã, cruzando as copas das árvores e brilhava nas poças d’água da chuva […]

Categorias
crônica

Sinto muito, Martha

De início, informo-lhes: esta é uma crônica-confissão. Confissão de um comportamento ignóbil que mantive nos últimos anos e, por conseguinte, de como fui injusto com a escritora Martha Medeiros. Sim, a Martha Medeiros. Linha por linha nesta crônica, tentarei dar-lhes o contexto, a fim de jogar luz às minhas ações. Acompanhem. Desde que comecei a […]

Categorias
crônica

Sobre mesas e armários

É a minha primeira lembrança. Devo ter uns três, quatro anos. Restaurante, meia-luz, o tilintar de talheres ao encontro com a louça, vozes, risos, cheiro de queijo gratinado e cebola frita no ar, garçons de camisa branca e calça social que se movem ágeis entre as mesas. Numa delas estão sentados meus avós, pais e […]

Categorias
crônica narrativa

Jango

— O cachorro acabou de falar comigo, Reginaldo! — Sueli, o cachorro tem nome. É Jango. E não, ele não falou coisa nenhuma com você. Tudo começou quando o Jango se instalou em casa meses atrás. Logo que os meus pais chegaram em casa com o filhote de vira-latas, todo encolhido na sua caixa de […]